10 produtos para vender muito em 2018 na sua pequena empresa

25/02/2018
Por cbbr

Para você que está procurando ideias de produtos para vender em 2018, nós temos que dizer que existe uma série de opções que podem ser muito lucrativas e que podem ajudar o seu negócio a alcançar todo o seu potencial.

Isso porque escolher o seu produto tem muito a ver com os ganhos de sua empresa – afinal, cada produto atende as necessidades e “dores” de um público específico.

Por isso, não se surpreenda se você não tiver uma “conexão” com alguns dos 10 produtos que vamos citar neste texto. Alguns deles possuem nichos muito específicos e você já deve saber que quanto mais específico o nicho, maiores são suas chances de sucesso.

Por isso, se você quer ter sucesso com vendas 2018, é bom que você tome algumas das 10 dicas que separamos para que você possa ter um maior lucro em 2018. Vamos nessa?

1. Shapewear

As cintas modeladoras, como são mais conhecidas, é um dos produtos que mais promete ganhar mercado nos próprios anos.

Para você que não sabe exatamente o que é, as shapeweras são uma categoria de roupas íntimas que ajudam a modelar o corpo. E, por mais que você não tenha ouvido falar, muitas são as pessoas que estão comprando.

E, ao que parece, vieram para ficar.

As peças podem ser usadas tanto como roupas íntimas quanto como blusas e camisetas – ou seja, é um produto versátil que pertence, primariamente ao setor de roupas íntimas, mas não exclusivamente.

Assim, o produto se torna versátil o suficiente para que os lojistas possam utilizar em suas vitrines. Imagine só vender um produto que pode ser usado de duas formas diferentes?

E, além disso, existem modelos masculinos, o que aumenta ainda mais as suas opções e mercado.

2. Acessórios para telefonia e celulares

Todo mundo adora coisas personalizadas – coisas em seu sentido mais amplo, já que é possível estender isso para tudo: roupas, artigos de decoração, móveis etc.

Assim, é impossível que você nunca tenha comprado em sua vida uma capinha para smartphones. Assim, você pode imaginar como este mercado tem crescido e se movimentado à medida que são lançados novos modelos de smartphone.

Além desses, podemos citar os outros acessórios que tem gerado lucros incríveis para aqueles que se aventuram nesse mercado: películas protetoras de tela, capinhas, carregadores, fones de ouvido e outros objetos.

Se você se interessou por esse modelo, a melhor coisa que você pode fazer é implementar o modelo dropshipping com o aplicativo Oberlo, que pode anunciar e vender uma grande quantidade e variedade de produtos.

O lado bom disso é que você não precisa se preocupar com o estoque físico: você só precisa pagar pelos produtos que os seus clientes de fato compram.

Esses produtos já estão há algum tempo no mercado e mantêm-se sendo uma forma confiável e lucrativa de se ganhar dinheiro, isso quer dizer que é um terreno fértil para você que pensa em começar a se aventurar por esses mercados.

São bem recebidos em plataformas visuais como o Facebook, Instagram ou Pinterest – que possuem um maior apelo visual.

3. Athleisure

produtos para vender em 2018

A palavra pode parecer estranha, mas é designada para um produto que conhecemos muito bem que são as roupas de ginástica.

Entretanto, o athleisure é uma tendência do mundo da moda para roupas casuais e chiques que dão uma personalidade atlética e descontraída.

A maioria das roupas que são produzidas hoje em dia se assemelham muito às roupas que as pessoas usam para malhar, mas no meio comercial elas devem ser vendidas como roupas que podem muito bem ser usadas no dia a dia.

O que concorre a favor destes produtos é grande variedade de produtos que podem ser vendidos. Nessa categoria cabem camisetas, calças, leggins, tops, regatas, faixas, acessórios para cabelo, tênis etc.

Por ser maleável, é possível comercializá-lo de diversas maneiras: seja abrindo uma loja especializada, seja como parte de uma coleção especial de roupas. Ou ainda, anuncia-lo em sites voltados à prática esportiva como a dança, yoga etc.

Uma vez que é o público adulto jovem o maior consumidor desses produtos, é recomendada a utilização de plataformas que tenham um maior apelo visual, como o Facebook, Instagram ou Pinterest que irão ajudar na expansão e crescimento da sua marca.

Utilize-se de estratégias de marketing de influência para firmar parcerias com influenciadores digitais (youtubers, bloggers etc). Eles podem usar as suas roupas em suas contas públicas dessas redes sociais e influenciar pessoas a usar também.

4. Sérum para os cílios

Produtos como estes, que prometem o crescimento os cílios, cílios postiços e extensores de cílio estão sendo um dos grandes responsáveis por boas vendas 2018.

Quem mais tem se beneficiado disso são as lojas virtuais.

Pensar, então em uma loja exclusiva para estes acessórios não é má ideia, aproveitando o crescimento exponencial que eles têm tido nos últimos anos.

O grande entrave é a variedade de produtos, o que poderia afetar o sucesso de uma loja com essa especificidade. Então, enquanto não se tem uma estratégia montada para isso, a solução é optar por uma coleção especial para lojas cosméticas.

Em caso de escolher comercializá-los, lembre-se que o essencial aqui é apresenta-los em conjuntos ou kits.

Anunciar um kit com três séruns ajudará a aumentar o valor médio dos pedidos e o resultado disso é óbvio: um aumento de vendas e de lucros.

5. Lâmpadas LED com efeitos de chamas

Recentemente o mercado tem acompanhado um crescente aumento nas vendas desse tipo de lâmpadas.

Perfeito para aquelas pessoas que estejam à procura de um produto inovador e diferente – afinal o número de lojas que vende esse produto ainda é muito pequeno.

Assim o grande diferencial de quem oferece esses tipos de produtos é o preço que tende a ser extremamente competitivo.

Por ser um produto muito específico, lojas especializadas podem não ter sucesso imediato – mas são largamente recomendados para lojas especializadas em decoração ou iluminação.

As vendas podem funcionar especificamente por impulso, diferente dos séruns para os cílios.

A razão para isso é que, por serem produtos diferentes dentro do seu próprio mercado, podem despertar a curiosidade – por essa razão, anúncios em redes sociais são muito bem-vindos.

6. Relógios minimalistas

O mercado de relógios, historicamente, é muito bem visto e lucrativo. As vendas em geral são constantes para as grandes marcas – e muitos deles já fazem parte do imaginário popular.

Os relógios minimalistas vieram para fazer parte das boas vendas 2018. Mas não somente: os relógios masculinos, femininos e os smartwatches também estão com tudo neste ano.

Mas não existe razão para um investimento maciço em uma loja especializada – uma vez que a maior parte das vendas, em geral, ocorre no final do ano. A razão para isso, claro, é o Natal.

A estratégia, aqui, não é complicada: o marketing deve ser feito com bons perfis no Facebook e no Instagram, principalmente.

Além disso, uma boa dica é firmar parcerias com influenciadores digitais. A simples postagem de uma foto com o seu produto em um ambiente esteticamente agradável é o suficiente.

7. Mochila

Se você pensa em um bom aumento no seu fluxo de vendas, as mochilas são outro bom meio para se investir.

A natureza desses produtos permite, até mesmo, uma loja especializada – já que são versáteis e deixaram de ser utilidade e passaram a ser acessórios de estilo para muitas pessoas.

São muitas as possibilidades: mochilas escolares, passeio, aventura, para notebooks, mochilas sociais.

A grande demanda desses produtos, em geral é durante a volta às aulas – mas para não depender tanto somente de um tipo de produto, uma boa ideia é investir em negócios que sirvam como complemento.

Por exemplo, óculos de sol, acessórios de aventura ou mesmo outros modelos de bolsas, pochetes, malas etc.

Boa parte do público consumidor desses produtos é feito por mulheres, obviamente. Assim, as suas campanhas de marketing devem ser voltadas para elas.

8. Projetores portáteis de LED

Os projetores pesados deram lugar aos projetores portáteis e não existe um mercado mais promissor: certeza de vendas 2018.

Isso porque o aparelho é fácil de carregar e é excelente para apresentações e reuniões.

Este produto funciona muito bem em uma loja especializada – vendendo mini projetores, projetores portáteis, projetores a laser e relacionados. Sobretudo é sucesso garantido em lojas de eletrônicos ou mesmo de artigos para decoração.

As margens de lucro desse nicho, em geral, é o que mais atrai os empreendedores que investem neste mercado: são muito altas.

Especialmente se você adota o dropshipping como método de vendas – assim, é possível vender um projetor que custaria R$ 200,00 por R$ 350,00.

É um mercado bastante específico, isso significa dizer que quem o procurará utilizará os buscadores – assim a utilização do Google Adwords é essencial para a criação de estratégias que otimizem as suas vendas.

O apelo visual é o que vende estes produtos, por isso, a divulgação feita através de vídeos, por exemplo, é muito efetiva.

9. Máscaras de dormir

Quem não se sente incomodado pela claridade enquanto amanhece?

Este produto garante uma boa noite de sono e já se provaram dentro do mercado brasileiro como um produto altamente vendável.

Uma das granes vantagens desse tipo de produto é a versatilidade dos lugares onde pode ser comercializado (itens de viagem, cosméticos e lojas de roupas, cama, mesa e banho) além da possibilidade de personalização.

Entretanto, é importante ressaltar que este não é um produto feito para ser vendido em uma loja especializada.

O público-alvo destes produtos são 3:

  • Pessoas que buscam uma boa noite de sono.
  • Viajantes que usam as máscaras durante o voo – ou que estão se recuperando do jet lag.
  • Entusiastas de produtos e tratamentos cosméticos que defendem o sono de beleza – aqui a especificidade por produtos mais macios é essencial (como a seda, por exemplo).

10. Limpadores de pincéis para maquiagem

A limpeza rotineira de produtos e pincéis de maquiagem é algo que precisa ser lembrado para muitas mulheres.

Algumas dizem que não sabem como limpá-los ou que não conhecem produtos específicos para este fim.

Para um caso ou outro a venda de limpadores de pincéis facilita e muito a vida de mulheres.

Aqui o essencial é a inclusão desses produtos em lojas de cosméticos, como parte de uma coleção de pincéis ou até mesmo como produto em destaque ou recomendação especial – de influenciadores digitais.

O uso de vídeos tutoriais para esses produtos pode ajudar muito na alavancagem de vendas. Assim, o essencial aqui é fazer com que bloggers ou youtubers recomendem não só o produto com a sua loja.

O foco, em geral, é mostrar como o seu produto deve ser usado.

No caso do Facebook Ads a melhor coisa a se fazer é direcionar a sua campanha para as principais usuárias – que devem ter em média de 18 a 34 anos.

E, pronto!

Agora você tem 10 dicas de produtos ultra vendáveis para começar suas vendas 2018 com o pé direito! Que tal começar agora mesmo?

E aí, gostou do artigo acima? Que tal deixar um comentário abaixo? Não esqueça de compartilhar em suas redes sociais e marcar seus amigos. Fique de olho em mais novidades e até a próxima!

10 produtos para vender muito em 2018 na sua pequena empresa
3 (60%) 2 votes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *