MEI: A Importância Dos Códigos De Barras

11/02/2020
Por cbbr
ean

Mesmo uma MEI que esteja começando precisa fazer uso de códigos de barras. Isto porque comerciantes de atacado e varejo vão estar solicitando os mesmos. E o fato pelo qual tais empresas os exigem é porque o comércio hoje em dia de forma generalizada possui vários sistemas que funcionam sobre códigos de barras. Tais sistemas são inventário, precificação, rastreamento de
vendas e rastreamento de estoque.

Todos estes processos foram formulados para fazerem uso de códigos de barras em seu cerne. Sem códigos de barras eles não poderiam funcionar da forma avançada como o fazem. Existem atualmente vários códigos de barras mas os principais são o EAN-13 e o UPC. EAN significa European Article Number ou Número de Artigo Europeu, enquanto que UPC significa Universal
Product Number ou Número Universal de Produto.

 

MEI: EAN 13 ou UPC?

EAN-13 é um código de barras que é utilizado no Brasil e em diversos outros países com exceção dos Estados Unidos, Canadá e outros países de primeiro mundo. Ele é composto por 13 dígitos
sendo o último dígito um dígito verificador.

UPC é um código que possui 12 dígitos e o último número é um número identificador. Este código é utilizado pelos Estados Unidos, Canadá e em diversos outros países de primeiro mundo.
Sendo assim a importância do uso de códigos de barras por fabricantes de pequeno porte é para que possam consolidar seus produtos no mercado. Isto visto que comerciantes de atacado e varejo o exigem para poderem comprar seus produtos. Pois não seria assim de outra forma possível.

Por exemplo, o processo de precificação utiliza códígos de barras. Neste clientes escolhem os produtos que querem e os levam até o caixa. O caixa por sua vez escanea o código de barras para
poder determinar preço e demais informações do produto.

Outro exemplo de sistema que está baseado sobre códigos de barras é o de rastreamento de vendas. Neste sistema é possível se saber quais produtos estão sendo vendidos, e quantos ainda estão em estoque, e quantos ainda mais estão no depósito prontos para reporem produtos das prateleiras. É possível se fazer o balanço destes produtos desta forma e determinar o total de produtos disponíveis.

Outro sistema que utiliza códigos de barras é o sistema de inventário. Como fica possível determinar o total de produtos que estão em estoque pelo sistema de rastreamento de vendas, o
sistema de inventário utiliza estas informações na hora de fazer inventário. Ele contabiliza o número de produtos que estão em estoque e determina perdas, furtos e desvios. No inventário é feito uma contagem manual dos produtos que estão disponíveis e tudo é anotado. Depois é feita a comparação destas contagems com o inventário digital que é determinado pelos códigos de barras.

Outro sistema que utiliza códigos de barras para MEI é o sistema de rastreamento. É possível se saber onde estão determinados produtos simplesmente por um sistema de códigos de barras que os utiliza. Daí é possível centralizar a administração de estoques fazendo o envio de mais produtos para lojas que estão para experimentarem falta dos mesmos.

Como se pode ver são muitos os fatores pelos quais fabricantes precisam de códigos de barras em seus produtos. São muitos os sistemas que os utilizam e clientes em geral não poderiam ficar sem os usarem. Usando eles fabricantes ganham em competitividade e seus produtos são aceitos por mais
comerciantes de varejo e atacado.

Busque Informações

É preciso buscar informações para que se consiga estabelecer o código de barras para MEI em seus produtos. Você também pode buscar a ajuda de algum profissional do ramo que seja experiente e possa lhe ajudar com todo o processo de colocar códigos de barras em seus produtos. Sem dúvida isto vai lhe ajudar e muito a simplificar todo o processo.

Hoje em dia existem muitos tutoriais que permitem diversas empresas a fazerem todo o processo por si só. Basta uma leitura apurada de todas as informações que estão contidas para que se possa fazer registro de códigos de barras.

Para empresas que pretendem fazer vendas nacionais o melhor é utilizarem o código EAN-13 pois este é o código que é utilizado no país. Já para empresas que pretendem fazer exportações para os Estados Unidos, Canadá e alguns outros países de primeiro mundo. O ideal é de se fazer uso do código UPC que permite que comerciantes de varejo e atacado dos países respectivos sejam capazes de fazerem o reconhecimento do código de barras sem problemas.

Para fabricantes que querem fazer vendagens de CDs por exemplo, o EAN é um código de barras que é utilizado em diversos países e é vendido mesmo com este código de barras nos EUA. O que
eles fazem é registrarem o código como se fosse um código UPC.

E os sistemas de vendagens de produtos na Internet nos EUA são configurados com 13 dígitos já para incluírem os produtos com códigos EAN. Se o produto tiver código UPC então simplesmente
um 0 é adicionado no início do código do produto no registro. Isto é feito porque muitas empresas estrangeiras importam produtos de outros países dai precisam colocar no cadastro de seus produtos outros produtos de outros países que tenham outros códigos de barras. Isto é feito então para facilitar a administração de produtos e de estoques de produtos diversos.

Como podemos confirmar existem muitas situações porque fabricantes diversos tem que colocar códigos de barras em seus produtos. A importância é realmente marcante e é fato de que empresas
precisam estar utilizando esta ativação em seus produtos para que os mesmos possam ser competitivos em relação a outros produtos de marcas que compitam com seus produtos.

Os produtos que estiverem padronizados e com códigos de barras de acordo em seus produtos vão ser os que vão estar na frente dos concorrentes. Fabricantes que não levam a série parecem ter produtos que estão muito aquém do esperado para os dias de hoje em que todos os produtos industrializados a nível nacional já saem com códigos de barras. E se não saem com códigos de barras em suas embalagens parecem produtos feitos por empresas nada sérias.

Conclusão

É por isto que colocar códigos de barras para MEI em embalagens de produtos hoje em dia também se tornou importante pois transparece profissionalismo por parte das empresas fabricantes que os empregam.
Isto é algo que não tem como ser recusado ou deixado de lado é mandatório e as empresas a nível nacional sabem disso. É por isso que as empresas hoje em dia uma vez que lançam seus produtos a questão da embalagem já está formulada e já conta com a inserção do código de barras no layout do produto. Geralmente já está atrás dos produtos de modo a não macular a marca mas ficar meio que escondido.

Se você precisa de ajuda para colocar códigos de barras para MEI em seus novos produtos você pode entrar em contato conosco. Nós estaremos mais do que prontos para lhe auxiliar em todos os passos relacionados a inserção de códigos de barras em seus produtos e eles estarão prontos para encher as prateleiras dos mercados de varejo e atacado por todo o país. O processo vai dessa maneira ser mais simplificado e fácil para que você possa acompanhar e futuramente consiga até mesmo fazer este processo por conta própria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *